#39 ||RESENHA|| Casei, e agora? As aventuras do meu descasamento- Tatiana Amaral

Olá  leitores, a resenha de agora é de um livro que eu gostei muito, muito mesmo, mas fui incapaz de favoritar, vamos ver?



Título: Casei. E Agora? 
Volume Único
Gênero: Romance
Autora: Tatiana Amaral 
Editora: Pandorga
Páginas: 222
Ano: 2016
Avaliação:

Sinopse:   Cléo é uma jovem escritora, cheia de sonhos, que vive uma vida certinha com o seu noivo onde tudo está em seu devido lugar. Mas ela quer casar e para isso acaba concordando com uma condição inusitada: um acordo onde ambos deveriam ficar um mês separados para adquirir novas experiências.E é assim que ela, mesmo contra a sua vontade, acaba em Las Vegas, com suas amigas, para a sua “despedida de solteira estendida”. Sua única vontade é fazer o tempo passar mais rápido e poder voltar para o seu relacionamento. No entanto os planos de Cléo são ameaçados quando ela conhece Douglas, um rapaz alto, de cabelos e olhos negros e dono do sorriso mais bonito que já tinha visto na vida.A vida de Cléo muda completamente quando ela acorda, após uma noite de curtição, e descobre que está casada com Douglas. Ela não lembra como tudo aconteceu e agora precisa correr contra o tempo para conseguir o divórcio e voltar para casa a tempo de recuperar o seu relacionamento com John. Contudo, as coisas não são mais como eram antes.Cléo e Douglas viverão grandes aventuras enquanto precisam aguardar pelo divórcio. Embalados pelos novos sentimentos que brotam desta relação, precisaram escolher entre esquecer o passado e se permitirem viver este amor, ou esquecer a aventura e retornarem as suas vidas.Douglas sabe o que quer, mas Cléo tem medo de permitir esta mudança em sua vida. Casei. E agora? É um romance surpreendente, onde a realidade não é exatamente o que demonstra ser.Embarque você também nesta deliciosa aventura por Las Vegas.
                                                                         ●●● 
Cléo é uma mulher de 25 anos, brasileira e que só namorou uma pessoa a sua vida toda, John, então todas as suas experiencias foram com ele, principalmente quando ele resolveu se mudar para São Francisco, e ela decidiu ir junto, pois não poderia abrir mão do homem que namorou desde os seus 15 anos. A protagonista é jornalista e escreve artigos para jornais, nunca tentou nada mais sério pois preferia ser livre e escrever o que sentia. E no momento o que ela queria era se casar com John que a enrolava a 10 anos, mas para que isso ocorresse seu noivo pediu um mês de solteiros, para adquirir novas experiencias, trinta dias sem nenhum contato, nenhum telefonema, simplesmente esquecer um ao outro, Cléo de início ficou destruída, mas em seguida aceitou em nome do amor. .

"Não estou pedindo para casar com ele. - apontou para o rapaz que ainda me encarava. Quase morri de vergonha. — A ideia era que vocês tivessem novas experiências. John está tendo as dele - encolhi-me com as lembranças — Já está na hora de você começas a adquirir as suas.
Suas amigas acharam o cúmulo e resolveram arrastar Cléo para Las Vegas. Nossa protagonista muitas vezes teve recaídas, pensando em ligar para John e pedir para ele voltar para casa, mas desistiu ao saber que seu noivo estava muito feliz conhecendo bocas novas. Assim ela se entrega a viagem, mas nunca teve em mente beijar outra pessoa, poias ela achava que amava seu noivo, e jamais imaginava-se com outro alguém. Juro que se alguém tivesse me feito essa proposta eu dava um soca na cara dele e sumiria, mas de vez..

"[...]  Graças a Deus! Porque eu casei com a Fiona, mas sou grato por ter em minha cama a Julieta”.
Então as amigas se rendem ao charme de Vegas, quem não se renderia?, e começam a curtir a noitada regada a muita festa e bebida, porém algo inesperado acontece elas conhecem um grupo de rapazes, um pra cada pra ser mais exata, e nele estava Douglas, que havia descoberto que sua ex namorada estava traindo ele, mas no fundo ele nutria um sentimento pela garota, Cléo ficou muito tocada pela história pois no fundo ela sabia exatamente o que Douglas estava sentindo, mal ela sabia mas a atração que ala começava a sentir pelo rapaz poderia meter os dois em uma grande enrascada.
Douglas, um rapaz meigo, que ainda se importa com o amor, começa questionar nossa protagonista sobre a sua decisão sobre o acordo,  mas a mulher é cabeça dura e ainda possui uma alma de adolescente então não aceita de forma alguma, então ele resolve que ela também terá que adquirir suas experiências.  
Algumas muitas bebidas depois, Cléo e Douglas já estão totalmente bêbados, e com um parafuso a menos na cabeça resolvem se casar, pois é Las Vegas tudo é permitido, eles se casam vestidos de fiona e Elvis Presley. Mas na manhã seguinte quando a ressaca aborda eles, ambos ficam apavorados pois descobrem que estão casados, e o casamento não poderia ser anulado. Cléo pensa imediatamente voltar para sua cidade e começar o divórcio mas os aviões estão com problemas, e ela terá que ficar até o fim nesta grande aventura..

""Douglas era… Era simplesmente Douglas e isso deveria ser o bastante."
O que falar desse livro? resolvi dar cinco estrelas pois gostei muito da história, me diverti demais, apesar de muitas vezes esquecer que os protagonistas tinham mais que 25 anos, dá bem pra confundir com um YA, mas esse não foi o problema. A leveza do enredo fez eu devorar o livro e saber o que ia acontecer nos próximos capítulo, Douglas me deixou apaixonada por ele..

"Eu me sentia partida em vários pedaços.."
O livro não tem nenhuma cena explicitamente hot, é tudo subentendido, o grupo fez eu dar algumas risadas, chorar em alguns diálogos e odiar John, canalha, queria pegar Deus e  todo mundo pois sabia que teria para onde voltar, e Cléo burra aceitou achando que isto não ocorreria depois do casamento.
Livro incrível e amável, a não ser pelas últimas páginas, tentei retirar elas da minha vida, mas enquanto escrevia essa resenha senti muita raiva, as últimas páginas possui Notas dos personagens devido ao que rolou em todo o livro, o que foi decepcionantemente e me senti totalmente engana, entendi que a Tatiana quis dar uma reviravolta na história e sair do clichê, mas ela não fez nada mais do que dar um tiro no pé, pois realmente foi decepcionante. Se ela tivesse encerrado a história sem as notas, teria sido meu favorito. Pensei em dar quatro estrelas mas o enredo fez eu repensar, pois eu amei, então resolvi deletar as últimas páginas e acreditar nas minha teorias. Mas super recomendo a leitura, é ótima para sair daquela ressaca gigante.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo